Produção de Cerveja

A cerveja é produzida com grãos de cereais, fermento, água, lúpulo e certos sais,
e a cerveja contém todos os componentes nutritivos presentes nos grãos de
cereais e no lúpulo e possui todos os principais sais necessários ao organismo
para uma manutenção regular. Foi identificado que a cerveja possui quase 452
constituintes e eles são categorizados em componentes não voláteis e voláteis
com base em sua pressão parcial (Brigs et al). Os compostos voláteis estão
presentes principalmente no headspace das garrafas fechadas e contribuem
para o aroma da cerveja e os não voláteis na porção líquida da mesma.
Os constituintes não voláteis incluem sais inorgânicos, açúcares, aminoácidos,
nucleotídeos, polifenóis e resinas de lúpulo juntamente com macromoléculas
como polissacarídeos, proteínas e ácidos nucleicos. A presença de todos estes
constituintes torna os benefícios para a saúde associados à cerveja como bebida
saudável e não como um tabu social. A cerveja constitui majoritariamente água,
ou seja. Mais de 92% e a maioria das unidades de fabricação de cerveja usam
água processada por osmose reversa e algumas outras usam água
desmineralizada e então adicionam quantidade suficiente de sais para obter uma
concentração de sal desejada no licor final e lá pela cerveja é ninho de tantos
essenciais íons. Uma garrafa de cerveja pode conter 92 mg de potássio, 14 mg
de cálcio e 48 mg de fósforo e pequenas quantidades de enxofre e zinco. Foi
medicamente comprovado que a cerveja é útil em muitos problemas de saúde
associados à geração atual, como fraqueza óssea, diabetes, câncer, parada
cardíaca e muitos outros. Nação Cervejeira encontrar as melhores assinaturas de cerveja

Leave a Reply

Your email address will not be published.